quarta-feira, 28 de março de 2018

Look Ctrl+c/Inspirado - Jessica Hamby


O que eu faço? Simplesmente eu monto o look mais proximo que eu puder em inspiração do look da quela pessoa a qual eu quero reproduzir e a primeira personagem é alguem que eu admiro muito da Serie de Vampiros que eu amo #TrueBlood... O look é inspirado na Jessica Hamby, onde as cores fortes predominam, como um vermelho encarnado ou vermelho sangue, um azul marinho escuro ou um roxo...

No look o vermelho sobre poe o azul, e percebe-se que os tons quentes se destacam. A Jessica é ruiva, ja eu sou loiro, mas isso não interfere em nada, então o contraste das cores faz com que tudo fique um pouco bem chamativo. As cores fortes são uma boa opção pra quem quer se destacar no ambiente.

Eu ja tinha a Camisa xadrez/quadriculada vermelha e a azul, então o look ficou fácil de montar... então, você de está se perguntando: " mas e a parte de baixo?" a parte de baixo é uma calça jeans e um allstar ou sapato que voce preferir.  A da Jessica é um rendendada e regata mas você pode usar ou regata ou camiseta .como  preferir; o look é unisex <3 espero que tenham gostado.





segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Trilogia Reino das Sombras

As sombras exercem certo fascínio, retratado no universo da ficção pela beleza e juventude eterna dos vampiros, por exemplo. Mas e na vida real? A luta ancestral entre bem e mal ganha novos contornos na trilogia que revela os meandros da dimensão extrafísica, nos bastidores do dia a dia. Conheça os dragões e seus comparsas, entidades milenares devotadas ao mal, já mencionadas na Bíblia, e a saga dos guardiões, agentes da justiça que representam a administração planetária. BOX edição de colecionador, contendo 3 livros: Legião, Senhores da escuridão e A marca da besta. 
                                                                                                                                                                                   
   
LIVRO O1

Minha experiencia com esse livro foi muito boa e extremamente proveitosa, aprendi bastante sobre a diversidade de emoções e acões, sobre não julgar e acreditar sempre em um amanha melhor, aprendi tambem que ninguem queima eternamente no fogo do inferno mesmo este sendo um suicida, Assassino e até mesmo o próprios espiritos considerados como demonos, que Deus ama a todos os seus filhos e sempre vai acolher e dar chances para correção quantas vezes forem necessárias, esse livro é um dos meus favortios, ja li e reli varias vezes e com certeza eu recomendo.
A obra é muito realista.

Mas, antes saiba se voce tem um mente aberta e interesse de coração em aprender coisas novas, coisas sobre o mundo espiritual , como primeiro livro da trilogia, ele começa esclarecendo tudo que envolve as trevas. os seguintes livros, contam como é o sistema dos chefes das trevas.

Eu não demorei muito para ler este livro.. A história de "Legião" me parecia por demais surreal, até conhecer sobre obessessão e desobsessão e ouvir os relatos dos irmãos que ainda vivem nas regiões trevosas.

Legião é um livro forte e contundente, que retrata a vida dos chefes do Umbral e de suas artimanhas para enfraquecer os encarnados.

O autor espiritual, Ângelo Inácio, foi repórter quando viveu aqui na Terra e sua linguagem é jornalística, narrativa e detalhada, o que nos leva para dentro de suas histórias.

Se você não tem medo da verdade, leia Legião!

Resultado de imagem para Senhores da escuridão
LIVRO 02

O livro começa com uma visita aos pavilhões de produção da metrópole onde Ângelo reside. Após essa visita, a equipe começa a se preparar para visitar as regiões densas da crosta. Anton então explica ao narrador que existem bases de apoio dos guardiões em diversos pontos do planeta, mas que uma das mais seguras está localizada nas profundezas da Lua. Utilizando um sofisticado veículo, a equipe se dirige à essa base com o objetivo de verificar as fichas cármicas de diversos médiuns candidatos a auxiliá-los até as regiões abissais. Ângelo fica impressionado com tamanha organização, segurança e tecnologia de ponta. Anton revela que no lado obscuro da Lua estão sendo reunidos diversos espíritos que serão encaminhados ao expurgo planetário.

Minha experiencia com esse livro foi maravilhosa, pois nele aprende muito sobre como se atua as trevas sobre a terra.






Resultado de imagem para A marca da besta livro
LIVRO 03
   


O livro começa no ano de 1997, quando o médium está em coma e é socorrido pela equipe médica de Joseph Gleber, um dos imortais citados em outras obras da trilogia. Em uma conversa com Willian Volts, Júlio Verne e Ranieri, a missão de Ângelo Inácio junto aos encarnados lhe é revelada. O livro aborda temas importantes, tais como o " fim dos tempos", o impacto das comunicações na modernidade, a "segunda morte", as drogas virtuais, os agêneres e as artimanhas dos dragões para dominarem o nosso planeta.

Acredito que o tema escatologia não é um dos mais confortáveis para a maioria de nós e vejo nestas três obras uma oportunidade de entrarmos em contato com assuntos polêmicos no meio espírita, mas que ao mesmo tempo possuem um caráter revelador.


A Marca da Besta segue o mesmo padrão de seus antecessores, onde o espírito Ângelo Inácio descreve o que viu no submundo astral. São relatos fortes e contundentes. Escolhi para publicar nesta resenha, o trecho onde a internet é mostrada como forma de hipnotizar os encarnados a fim de servirem como subservientes das trevas. É um trecho para reflexão, onde o guardião Anton chama as redes sociais de "drogas virtuais" O assunto será abordado em detalhes no capítulo 10.

Atualmente, é muito comum nos depararmos em locais de lazer, por exemplo, com famílias inteiras conectadas em seus modernos smartphones, uns indiferentes aos outros e ao que passa ao seu redor. Vejo muita gente deixando de viver o mundo real para viver quase que exclusivamente no mundo virtual. E, segundo Anton, tal comportamento não passa despercebido dos agentes das trevas. Precisamos ficar mais alertas para podermos usar a tecnologia a nosso favor e não contra nós.

Trecho do livro: "— Como podemos ver a situação das pessoas, no século atual, diante dos avanços da tecnologia? Preocupo-me sobretudo no que se refere à internet e às possibilidades que ela coloca à disposição. Quais são os possíveis transtornos causados pelo mau uso da internet? Existe um perigo real rondando aqueles que se entregam ao seu uso indiscriminado?

Anton, respirando fundo, como a escolher as palavras certas para a resposta que pretendia dar, olhou-nos com visível preocupação quanto ao alcance da pergunta.

— Na atualidade, levando-se em consideração o sistema, no qual se baseia a civilização, as comunidades espalhadas em todo o globo dependem de tecnologias de ponta, dos avanços da telemática e das técnicas mais modernas de comunicação para sustentar sua infra-estrutura. Desde o tráfego de aeronaves ao arsenal de computadores, que mantêm o sistema bancário e financeiro operando, passando pela administração dos países e da vida de bilhões de cidadãos — praticamente nada, hoje, funcionaria sem o uso de tais ferramentas. Há inúmeros xemplos: os sistemas que controlam a qualidade do meio ambiente, os hospitais e suas redes críticas; muitíssimos, outros setores da vida civilizada, não podem prescindir do esquema avançado da tecnologia, particularmente da internet. (...) Desse modo, as relações humanas globalizaram-se, internacionalizaram-se a tal ponto, que se torna impossível imaginar, no atual estágio da humanidade, uma forma de se viver sem o uso da internet e da informática, que a cada dia dá passos mais avançados em torno de novas e diversificadas descobertas. Mas essa revolução do conhecimento, da informação e da inteligência humana, não passa incólume diante da ação de espíritos muito mais experientes do que os homens encarnados. Sob esse prisma, buscamos estudar como a hipnose e a indução magnética estão se tornando também cada vez mais difundidas e globalizadas, usando os recursos da mídia, da tecnologia e do ciberespaço. Não há como circunscrever a atuação dos espíritos das sombras e, lamentavelmente, vemos avançar também as modernas técnicas de obsessão, com o aparecimento da internet e dos meios de comunicação mais modernos. O uso de drogas virtuais, a dependência crónica de salas de bate-papo, chats, redes sociais, entre outras ferramentas, têm contribuído, também, para a derrocada dos valores morais, éticos e humanitários pois, através desses mecanismos, os lares são invadidos, perde-se a privacidade, e o domínio das mentes torna-se algo muito mais real do que nos filmes de ficção."